6 min de leitura

Neste artigo você vai aprender a como começar uma campanha com influenciadores. Além disso, vamos mostrar passos simples que você poderá utilizar para colocar em prática.

Como alguns de vocês, eu tenho lido sobre celebridades que promovem produtos como o mais novo shake de proteína ou a melhor estadia na cidade “x”. Embora haja mensagens em todos os lugares, não aproveitei para entender o ponto nem considerei como isso estava mudando o jogo para os anunciantes.

Quando foi anunciado nesse ano que Kim Kardashian seria premiada com o primeiro prêmio de influenciador do Conselho de Designers da América (CFDA), isso me chamou a atenção.

“Com mais de 200 milhões de seguidores em seus canais de mídia social, ela (Kim Kardashian) foi uma das primeiras a gerar receita com suas plataformas digitais e a criar um diálogo bidirecional com seus seguidores”.

Desde quando as pessoas que tiraram fotos com óculos escuros e bolsas caras foram premiadas por fazer isso? Até esse momento, eu falava sobre as estrelas da televisão como pessoas que só queriam estar na TV para ficar famosa.

Essas figuras públicas não estão apenas usando a televisão, mas assumindo os canais sociais. Até mesmo os blogueiros das menores cidades do meio do país estão recebendo pagamentos do tamanho de celebridades por endossar produtos e serviços. Nós os conhecemos agora como influenciadores.

Não foram necessárias muitas pesquisas na internet para encontrar outros influenciadores usando as mesmas técnicas que Kim Kardashian para se tornarem nomes conhecidos.

Influenciadores por toda parte

Influenciadores representam todas as verticais, não apenas as de entretenimento e moda. O impacto deles é fácil de ver e acompanhar quando você se aprofunda nos seguidores de mídia social e o no impacto na receita.

O dublê do YouTube, Dude Perfect, com 38,4 milhões de assinantes, promove equipamentos esportivos. E Rachel Hollis, autora de um New York Times Best Selling e blogger de estilo de vida, está criando um império escrevendo sobre empoderar mulheres com 1,2 milhão de seguidores no Facebook.

Influenciadores estão por toda parte e seu impacto está se expandindo para todas as idades e demografias. Assim como a dançarina, cantora e atriz de 15 anos JoJo Siwa com 7,6 milhões de espectadores e mais de 1,7 bilhão de visualizações de vídeos no YouTube.

Todas essas estrelas da internet com seus seguidores podem fornecer uma enorme vantagem para as empresas com quem trabalham. Afinal, levar as pessoas a ver e ouvir sobre os produtos nunca foi tão fácil.

Logo, desde a primeira leitura sobre influenciadores no início deste ano, aproveitei para aprender mais sobre o marketing de influenciadores. E como trabalhar com sucesso com influenciadores.

Como começar uma campanha com influenciadores

1. Definir metas da campanha

Existem muitas razões para considerar um influenciador para a sua campanha. Mas primeiro você deve considerar as metas específicas da sua campanha. Pergunte a si mesmo o que você está tentando alcançar e promover.

Qual é o objetivo mais importante da sua campanha e como isso pode ser transmitido de maneira simples e clara? Os objetivos da sua campanha podem estar vinculados ao engajamento, alcance, sentimento, afiliação, redirecionamento de conteúdo ou vendas diretas.

2. Pesquise sobre Influenciadores

Em seguida, você precisa considerar quem é o melhor ajuste para sua campanha. Você vai querer olhar para:

  1. Número de seguidores de mídia social.
  2. Conteúdo e assunto que eles postaram.
  3. Com quem eles estão trabalhando? Quais produtos eles estão promovendo atualmente
  4. Eles estão trabalhando com algum concorrente para o seu produto ou serviço?
  5. Eles são relevantes nas notícias?
  6. A posição atual deles é positiva?
  7. Existem outras pessoas que também atendem a essas qualificações?

Identifique os pontos principais e importantes para a campanha e, em seguida, faça uma lista de possíveis influenciadores com os quais você consideraria trabalhar com base em quem atende aos seus critérios.

3. Selecione um Influenciador

Existem vários serviços pagos que você pode usar para filtrar e selecionar influenciadores, como o Airfluencers.com. Esses serviços normalmente exigem que o influenciador entre em um banco de dados e preencha sua localização, estatísticas de mídia social, interesses do público-alvo e marcas que eles representam.

Isso pode ajudar a acelerar o processo de seleção e contato de influenciadores que atendem a determinados critérios ou padrões de métricas estabelecidos por você.

Aliás, você também pode ir diretamente a sites das pessoas com quem está interessado em trabalhar para ler mais sobre os produtos e serviços nos quais está interessado em colaborar.

Além disso, você desejará determinar se você ou o influenciador será responsável pela criação do conteúdo. Alguns influenciadores querem ter controle total sobre qualquer coisa em que colocarem seu nome. Então, enviarão o conteúdo para aprovação com suas mensagens incluídas.

4. Determinar Compensação

Depois de fazer sua lição de casa e ter uma lista de trabalho de influenciadores e suas métricas, você precisará definir os termos de compensação para suas campanhas. Incluindo quanto deseja gastar durante um período e quais produtos ou serviços deseja fornecer ou negociar.

Os influenciadores são compensados ​​de muitas maneiras diferentes por seu tempo, incluindo produtos, descontos ou porcentagens de lucro. Portanto, convém delinear isso em seus termos e considerar a solicitação deles antes de finalizar o contrato.

5. Avaliar os resultados

Depois que a campanha termina ou alguns dias depois que o primeiro conteúdo é exibido, o influenciador deve enviar métricas públicas e privadas. Como impressões, alcance e exibições de página. Você deve procurar tendências nos dados para ajudar a determinar se a campanha atingiu suas metas originais e se você deve considerar fazer mais campanhas com essa pessoa no futuro.

Além disso, lembre-se de que os direitos autorais do conteúdo pertencem ao influenciador, salvo indicação em contrário no contrato. Portanto, nenhuma alteração ou edição deve ser feita ao conteúdo do influenciador e nunca deve ser compartilhada com outro influenciador.

Seguir essas dicas deve ajudar você a começar como um profissional de marketing de influência e a expandir sua marca. Portanto, mantenha-se atualizado com as tendências e práticas recomendadas e não tenha medo de experimentar novas formas de expandir sua presença on-line.


Alguns artigos que você também pode gostar:

Como começar uma campanha com influenciadores