MentorTips #86 – O Que Definitivamente É Escala?

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no email

Transcription powered by Marfin LAB – Voice Note BETA

Ivan: Olá seja muito bem vindo a mais um Mentor Tips, o seu Drops de conhecimento diário de negócios. O MentorTips é um oferecimento de Livro do Sucesso. Acesse www.livrodosucesso.com e descubra como Materializar os desejos da sua mente.

Se você deseja patrocinar um podcast, envie agora um e-mail para contato@marfin.co. Marfin com “n” de navio no final.

Nessa série do MentorTips, nós estamos falando sobre entrega de valor, sobre sucesso do cliente ou customer success. E falando sobre formas de entregar valor, como você vai entregar aquele valor que você criou na sua oferta e como isso é entregue ao cliente, hoje nós vamos falar sobre Escala.

O que definitivamente é escala? Vamos pensar no seguinte: um vendedor de caldo de cana. O vendedor de caldo de cana, ele consegue atender alguém em poucos minutos… Talvez não o vendedor de caldo de cana, vou pegar um exemplo melhor: uma costureira.

Vamos supor uma costureira que ela faz um o cobertor, faz uma colcha e ela leva uma semana para fazer. A costureira consegue entregar esse produto em uma semana. Se a gente pensar no mesmo contexto, ter dois clientes por semana já começa a ficar complicado para ela.

Se essa costureira receber mil pedidos em um dia ela vai ter sérios problemas. Ela vai não vai ter como não deixar alguns clientes esperando e isso pode gerar descontentamento, porque vai gerar o nível indesejável da escassez.

Existem níveis níveis desejáveis e níveis indesejáveis de escassez. Então, a escala é justamente essa tua capacidade de duplicar ou de multiplicar de forma confiável o teu processo à medida que o seu volume aumenta. E é simples assim.

A escalabilidade determina o volume potencial máximo do seu negócio. Quanto mais fácil for duplicar ou multiplicar o valor que você proporcionou mais escalávele, ou expansível, como nós falamos, escalável será o teu negócio.

Agora compare essa costureira com o McDonald’s, com Starbucks. Nós falamos em outro podcast. Imagina que o McDonald’s, ele tem a capacidade de servir 100 hambúrgueres por hora. Se a demanda aumentar mais que isso aquela loja vai superlotar, ok? Se essa loja superlota, qual que é a solução? Abrir outra loja, outro McDonald’s, mesmo se for do lado da outra quadra. O que é bem comum quando nós vemos McDonald’s por aí.

Como escalar com humanos?

Então a escalabilidade é limitada pelo volume de envolvimento humano. Também envolvimento humano necessário dentro de um processo. O McDonald’s é capaz de aumentar a capacidade de duplicar hambúrgueres por meio da automação. Foi assim que foi criado o McDonald’s e o fast-food em geral.

O envolvimento dos empregados do pessoal lá do McDonald’s ele é necessário para preparar um hambúrguer. Fazer assar a carne, o hambúrguer. Mas o processo em si, ele é praticamente automático. Os produtos já vêm prontos. Muitos dos ingredientes já estão preparados, então basta montar e fritar hambúrguer e cuidar para não queimar.

Geralmente nem é ele que faz isso, né. A máquina também cuida para não queimar para que saia sempre o mesmo hambúrguer a cada duplicação.

Então, geralmente, o nível de intervenção humana para fazer um hambúrguer é bem baixo e é por isso que o McDonald’s faz tantos sanduíches por hora. Então se a tua meta vou criar um negócio que não requeira envolvimento direto, o envolvimento direto todos os dias, você precisa prestar atenção na escalabilidade.

Formas mais fáceis de Escalar

Geralmente os produtos são mais fáceis de duplicar. Porque se você tiver, por exemplo, recursos compartilhados como já falamos aqui né, academias de ginásticas também são mais fáceis de multiplicar, porque são sistemas de franquias, recursos compartilhados também.

Os seres humanos é que não são escaláveis. O tempo e energia de cada pessoa é limitado, o que já coloca em uma restrição que não vai mudar com o volume de trabalho que você tem. Pelo contrário, quando a gente começar a falar sobre sobrecarga de desempenho, sobre o desempenho humano, sobre performance, produtividade, essa eficácia normalmente cai quando o volume aumenta, a demanda sobre a pessoa aumenta.

Então, por isso que é difícil de escalar serviços. Porque eles dependem diretamente do envolvimento humano. Serviços de relacionamento, por exemplo, se você lida diretamente com o teu cliente como um consultor, é difícil escalar.

Regra de Ouro para Escalar

Então, como uma regra para você seguir é, quanto menor o nível de envolvimento humano necessário para você criar e entregar esse valor, mais escalável vai ser o seu negócio.

E a pergunta que eu deixo hoje é: o quão escalável é o seu negócio? Quanto envolvimento humano existe nesse processo. Você pode ter os dois tipos de negócio. Um com bastante envolvimento humano, pode também criar produtos que sejam escaláveis para que o seu Negócio expanda mais rápido ou possa escalar.

Serviços geralmente não são escaláveis.

Se você gostou deste insight, então compartilha ele com teu sócio, tua sócia, teu parceiro de negócio, amigo ou parente que precisa ouvir isso. E também deixa abaixo o teu comentário sobre o teu tipo de oferta. Ele é escalável ou não é escalável? Eu espero ouvir a tua resposta.

Um grande abraço e eu te vejo no próximo MentorTips.

(fim da transcrição)


Alguns artigos que você também pode gostar:

Gostou deste artigo?

Cadastre-se abaixo para receber muitos conteúdos gratuitos para avalancar a sua carreira ou a sua empresa!